NEWS

Artigos

Publicado no dia 08-10-2014


O Coaching

Olá amigos!

Quero aqui dividir alguns pensamentos sobre o Coaching. Muito se fala sobre essa metodologia e até existe algo de excessivo sobre o tema. Na verdade essa metodologia a qual aplico há mais de uma década, proporciona um olhar interno mais aguçado, com mais discernimento. Formação de Coaching é um curso delicado, pois existem algumas questões que devem ser respeitadas como por exemplo o Master que ministra o curso e o número de participantes. Estamos recebendo alunos de várias escolas que possuem um ótimo conteúdo, mas ministram esse curso com mais de 60, 70 ou 100 pessoas em sala. Esse curso exige algo a mais do que ensinar técnicas ou ferramentas de investigação e efetivação de resultados, esse curso é um meio de alinhar metas, objetivos e desenvolver competências para isso, é um momento onde as pessoas podem atuar em um patamar acima e que assim sejam responsáveis por seus resultados. Coaching é um estilo de vida é um processo de crescimento único e que possibilita aos participantes o acesso as ferramentas que oferecem mais desempenho pessoal e profissional, mais maturidade e consequentemente mais responsabilidade perante a vida. Esse curso pode ser aplicado apenas para aqueles que já estão em um processo interno de desenvolvimento. Navegar do mundo do Coaching é uma responsabilidade perante as pessoas, perante a sociedade, perante a vida. 
É com essa responsabilidade que nós atuamos, pois essa metodologia é poderosa e agrega muito às pessoas. 
Coaching é um estado de aprendizado contínuo que é inserido através de perguntas poderosas de sabedoria. Com Amor e Gratidão a todos. 
MS. Sergio Ricardo 

 

Ser Extraordinário

As pessoas assistem uma Olimpíada, por que ver pessoas extraordinárias (atletas), atraem pela sua determinação, empenho, vontade de crescer, são em média 4 bilhões de pessoas vendo a TV em todo o mundo. Se de algum modo você ja parou enfrente a TV para ver os Jogos Olímpicos é por que dentro de você há algo extraordinário, que pode ser explorado de maneira mais eficaz, e você sabe disso. Pense nisso, Seja Extraordinário(a)!

 

A Consciência

A consciência é uma grande aliada para nos direcionar, para nos enquadrar e nos sentirmos dentro de um padrão.

A auto-consciência é o desafio maior, é a maturidade na prática, é o resumo do progresso em nossas vidas, sem progresso não há felicidade. 
Muitas pessoas são conscientes na vida, mas não são auto-conscientes, assim essas pessoas se tornam o resultado da média com quem se relacionam, perdem o brilho, seguem e não criam, buscam a certeza o tempo todo e certeza é mediocridade, Pense Nisso! Sergio Ricardo

 

Para que!

Todas as metas de uma vida, apenas serão atingidas quando o sentido desta for guiado por amor, dedicação e prazer, caso contrário o sentido da vida passa a ser apenas metas sem propósitos e valores que definem a razão de um ser. Sem sentido não há sentido viver!  Sergio Ricardo

 

O que você quer para sua vida?

"Chegar à Diretoria da empresa em um prazo de quatro anos."
"Captar dez novos clientes em um prazo de dois meses".
"Duplicar o faturamento anual da minha empresa em um prazo de dois anos".
"Implantar um programa de qualidade de vida na minha empresa".
"Adequar a minha agenda de forma a passar mais tempo com a minha família".
"Fazer um novo curso de graduação no próximo ano".  
Sergio Ricardo

Mas, afinal, o que é META?
Sejam quais forem suas metas, para atingi-las, é preciso elaborar um plano e colocá-lo em prática.
Impressionante a quantidade de pessoas que não estabelece metas para suas vidas profissionais e pessoais. Sabe porque? Por que depois que as metas são estabelecidas elas precisam ser cumpridas!
Se elas não foram estabelecidas, não será necessário ter o trabalho de cumpri-las. Se você não consegue traçar suas metas, a sensação pode ser a de não saber para onde está indo, de surpreender-se com vitórias ou desapontar-se com derrotas.
Para não ter surpresas, é preciso trabalhar focado, em determinação para alcançar o que se quer. Mas primeiro é necessário ter claro o que se quer!
Muitas pessoas se perguntam o que devem fazer sobre suas carreiras, se devem mudar de emprego, montar a própria empresa, mudar o foco dos negócios, coisas deste tipo. A resposta é: depende para onde você quer ir. Se não souber qual é o seu objetivo, e se não planejar estratégias para atingi-lo, permanecerá eternamente andando em círculos e se deparando com os mesmos questionamentos, ano após ano.
No entanto, muitas vezes, o processo decisório não é tão simples assim, já que nossas decisões estão quase sempre vinculadas a áreas importantes de nossas vidas, sejam elas financeiras, afetivas, emocionais, políticas, sociais, etc.
Neste processo, um coach pode ser de grande valia para auxiliar você a traçar estratégias de ação e atingir suas metas com sucesso. 
Sergio Ricardo

 

COMO ATROFIAR O CÉREBRO COM COMIDA!

Atenção às crianças!

Os bebés cuja gestação tenha sido afetada por uma alimentação deficiente da mãe ou que, nos primeiros anos de vida, sejam incorretamente alimentados, podem sofrer atrasos no seu desenvolvimento intelectual. 
Muitas crianças têm dificuldades de aprendizagem e problemas de concentração porque estão a ser incorretamente alimentadas. É sintomático o fato de muitos alunos, por ingerirem pouquíssimo alimento pela manhã, se queixarem de cansaço, fraqueza, falta de concentração ou agitação nas primeiras horas de aula.
Os adultos também não escapam. Nem sempre os seus cérebros estão sendo adequadamente alimentados. Eis alguns dos erros mais comuns:
- grandes quantidades de comida às refeições;
- variedade excessiva de alimentos nas refeições principais, por vezes incompatíveis;
- excesso de proteínas de origem animal e matérias gordas;
- poucos alimentos frescos;
- alimentos muito cozidos, fritos e assados;
- comer em demasia fora das principais refeições;
- refeições ingeridas à pressa.
- mastigar pouco os alimentos.
- não ingerir alimentos alinhados com o tipo sanguíneo.
- não fazer atividade física de no mínimo 3 vezes por semana! 
Sergio Ricardo

 

CÉREBRO E LONGEVIDADE SAUDÁVEL

A falta de memória, a autodepreciação e a falta de criatividade podem ser sintomas de ligações débeis entre neurônios. Neste caso, o remédio é um só: "usar mais a cabeça" procurando e enfrentando continuamente desafios intelectuais crescentes.
Quanto maior o número de ligações entre as células nervosas mais isso ajuda a manter a qualidade e a durabilidade da nossa vida mental. Por isso, não raro, pessoas criativas, ativas e flexíveis vivem também mais tempo e melhor. 
Sergio Ricardo

 

SAÚDE

A rotina também provoca nervosismo e stress!
A maioria das pessoas estão hoje muito centradas num circulo vicioso casa > emprego > compras > televisão > internet > dormir > e por aí adiante. A nossa mais fácil desculpa é que a vida n
não permite alternativa!
Em parte entendo mas aceitamos por vezes a rotina porque ela é confortável. Com a rotina economizamos energia física e mental. Mas há um preço a pagar e pode ser bem elevado!
Todos os estudos científicos garantem que a rotina torna o cérebro preguiçoso, deixa de criar novas ligações (dendrites) entre os neurônios e envelhece mais depressa. 
Se a sua vida é uma rotina tente dar a volta ao sistema. Pelo menos uma vez por semana faça algo diferente, jante fora, dê um passeio (mesmo que seja a pé), uma ida ao teatro ou ao cinema (pode fazer uma agenda de saídas diferentes todas as semanas de maneira que não vai pesar no orçamento). E muitas coisas pode fazer sem gastar dinheiro! 
Sergio Ricardo

 

MENTIR É IMPRÓPRIO DO CÉREBRO SAUDÁVEL

Por que será?
Meio mundo anda mentindo a toda a hora. Há até profissões e atividades em que a mentira é um recurso de "sobrevivência" (muitos políticos mentem, muitos vendedores mentem as crianças não passam sem uma mentirinha por dia, nós mesmos mentimos uma vez por outra mesmo que sem intenção maldosa).
Mas veja o que acontece no cérebro. Quando mentimosdeliberadamente (ou seja, com perfeita consciência) estamos criando, no cérebro, uma contradição psicológica e biológica.
O cérebro trabalha com informação. Nesta fase ele apenas sabe trabalhar com informação correta. Se ele "sabe" que, por exemplo, eu quero decidir faltar sobre um encontro com alguém e se eu me desculpar dizendo que "estou com muito trabalho e não posso ir" estamos perante uma contradição, uma não verdade (ou seja, estou mentindo ao outro). Meu cérebro "sabe" que, na verdade, não me apetece ir ao dito encontro e "sabe" também que isso de eu ter "muito trabalho" é pura mentira.
Como o cérebro trabalha com informação realista (ou percebida como tal) gera-se nele uma contradição que resulta do fato de ele ter de administrar 2 informações antagônicas: a que é verdadeira e a que é falsa.
A tendência do cérebro é agarrar-se à verdadeira (não por razões morais mas cognitivas) e esquecer-se da mentira (pois esta é uma informação que falseia a anterior). Por isso é que, sob o ponto de vista cerebral e psicológico, manter uma mentira é muito mais difícil do que manter a informação tida como verdadeira.
Os mentirosos "amadores" e inexperientes acabam, frequentemente, por "se esquecerem" que mentiram e acabam falando a verdade mais cedo ou mais tarde. Isso também explica porque os detectores de mentira funcionam, com frequência, com êxito. É que, quando se mente, verificam-se alterações orgânicas (devido a desconforto psicológico que a mentira gera) que o aparelho registra.

Excetuando aquelas pessoas com muita prática de mentir, a maioria de nós convive mal com as suas próprias mentiras. Não apenas por razões de ética e moral, mas por fatores neuropsicológicos. 
Sergio Ricardo

 

Concentração

Problemas de concentração podem ser sinal de cérebro mal nutrido!
O CÉREBRO É UM DEVORADOR DE COMIDA.
Um humano adulto, de 65 quilos e boa saúde, possui no seu organismo 48 quilos de água, 10 quilos de proteínas, 8 quilos de lipídios (forma de gordura vital que armazena e transporta energia), 3 quilos de minerais e 200 gramas de glucídios (açúcares). Ao longo da vida comemos cerca de 50 toneladas de alimento!
Quanto ao cérebro humano é um órgão francamente glutão. Sozinho consome entre 25% e 30% da energia que o organismo consegue produzir através dos alimentos. Isto deve-se ao fato das células nervosas – os neurônios – que são muitas (cerca de 100 mil milhões num adulto) possuírem um nível metabólico elevado que exige um fornecimento constante de oxigênio (1/5 de todo o que respiramos), glicose e diversos nutrientes essenciais. A alimentação do cérebro é assegurada pelo sangue através de 1/6 de toda a bombagem cardíaca.

Melhore a sua capacidade de atenção e raciocínio, através de Biometria Funcional - Neurometria. 
Sergio Ricardo

 

O SEU CÉREBRO É UM DEVORADOR DE NUTRIENTES

Não deixe de alimentá-lo ou ele morre em minutos!
Um humano adulto, de 65 quilos e boa saúde, possui no seu organismo 48 quilos de água, 10 quilos de proteínas, 8 quilos de lipídios (forma de gordura vital que armazena e transporta energia), 3 quilos de minerais e 200 gramas de glucídios (açúcares). Ao longo da vida comemos cerca de 50 toneladas de alimento!
Quanto ao cérebro humano é um órgão francamente glutão. Sozinho consome entre 25% e 30% da energia que o organismo consegue produzir através dos alimentos. Isto deve-se ao fato das células nervosas – os neurônios – que são muitas (cerca de 100 mil milhões num adulto) possuírem um nível metabólico elevado que exige um fornecimento constante de oxigênio (1/5 de todo o que respiramos), glicose e diversos nutrientes essenciais. A alimentação do cérebro é assegurada pelo sangue através de 1/6 de toda a bombagem cardíaca. 
Sergio Ricardo

 

Os dois lobos.

Temos dois lobos internos, um que é bom, correto, amoroso, ético e que defende a verdade e a justiça, esse é o lobo branco, o outro é o lobo escuro, que tem a irá, a raiva, o desejo, as aversões, quer a qualquer custo as coisas, que tem medos, que não tem calma, que gera dentro de nós o sentimento de querer mais sempre do nosso jeito. Os dois lobos disputam a nossa atenção, sabendo disso devemos alimentar os dois, pois só assim podemos ouvir a nossa essência e trilhar a nossa vida com sabedoria. Há pessoas que só oferecem atenção para um dos lobos e ai os dois brigam fazendo muito barulho dentro delas, gerando muita aflição. jamais deixe um lobo com ciúmes do outro dentro de você! Pense Nisso! Sergio Ricardo

 

Quem está dentro de você?!

Quem somos nós?

Esta é uma pergunta que a humanidade vem se fazendo há milênios e não encontra uma resposta conclusiva. 
Por que uma pergunta tão simples pode ser tão difícil de responder?
Se você assistiu as Olimpíadas deve ter visto alguns atletas falando sozinhos. Alguns se incentivando, outros batendo no próprio corpo, como quem dissesse: “vamos, a hora é esta. Você precisa dar tudo de si. Todo o país está torcendo por você...”
Quem nunca se pegou falando consigo mesmo? Pois é, que vozes são essas que ficam se expressando e mesmo quando não saem verbalmente falam continuamente dentro das nossas próprias mentes?
Um dos principais trabalhos de autoconhecimento é descobrir conscientemente a natureza e a origem dessas vozes interiores.
Você se identifica com alguma das personalidades acima? 
Quem é você?
Reflita agora e veja quem você acha que é. Com quem você se identifica?
Ajuda muito colocar num papel aquilo que você pensa de você mesmo. E para cada personagem você acrescenta um título.
Você verá que você tem muitas vozes. Verá que se identifica com uma sub-personalidade específica para cada situação, diante de cada tipo de pessoa. E a passagem é rápida e automática. No momento em que muda a situação ou a pessoa, instantaneamente a nova personalidade aparece.
O que quero com este post, é deixar uma pergunta:
-Você possui consciência ou auto-consciência?
Pense Nisso! 
Sergio Ricardo



Home   |    Sergio Ricardo   |    Cursos   |    Avaliações   |    Coaching   |    Contato

Sergio Ricardo - Impulsionando Pessoas e Empresas

Email: contato@sergioricardocompany.com.br